Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MEU DONO ? PARTE II (OBJETO SEXUAL DO AMIGO DE MEU

Como narrei anteriormente, levei muita porra na boca do meu dono, Felipe, o amigo de meu pai, mesmo assim continuei chupando sua rola, pois ele me mandou não parar, e assim o fiz. Neste mesmo tempo, o coroa enfiava um, dois três dedos em meu cuzinho, laceando ele para sua enorme cobra que estava louca para encontrar uma toca para se enfiar e eu mais louco ainda para agasalhar sua cobra em minha toca, pois meu cuzinho piscava e mordia os dedos de Felipe, pedindo para ser fodido com vontade. Felipe começou a socar seus dedos com força, me fazendo gemer e ao mesmo tempo fodia minha boca, era o máximo, ser estuprado por três dedos e estar chupando uma maravilha de 24 cm pronta para estourar minhas preguinhas, eu apenas gemia de dor e prazer, queria ser fudida, arrombada por este homem tesudo e gostoso que agora dera meu dono:rn_ me fode seu velho safado, me come vaiiiiiii... Faz tudo comigo vai, quero ser tua mulherzinha, tua puutaaaa...rnJá não aguentava mais aquela tortura dedal no meu rabo que já estava com quatro dedos enfiados, entrando e saindo de mim, me lavando a loucura, quase gozando _ uhuhuuuu, para Felipe vou gozar, vou gozar....me come logo me commeeeeee..hummmmmm não teve jeito, meu tesão era demais e gozei sem tocar em meu pauzinho que estava completamente inerte, meu tesão estava todo em meu rabo, lavei o chão com minha porra, Felipe adorou meu orgasmo:rn_ Isso cachorra, goza com meus dedos no teu cuzão vai, goza que agora vou estourar teu babo, você vai ver o que é homem de verdade sua safada, vira aqui vai, vira, fica de quatro que vou estuprar você agora, esse cuzinho a partir de agora vai ser sá meu sua cadela, você vai me obedecer, vou fazer o que quiser com você, ok? Responde logo, responde... E um tapa em minha bunda me deixou louco de tesão e dor....rnAiiiii vai sim, meu cuzinho é teu sá teu, faz tudo com ele faz logo, seu safado gostoso...rnSenti suas mãos abrirem minha bunda e puxar a calcinha para o lado e sua língua começar a trabalhar no objeto de desejo daquele coroa tesudo, tremi da cabeça aos pés com o toque áspero em meu rabo, não queria que ele parasse nunca mais estava muito gostoso, sua língua entrando em mim e o estalar de suas mãos batendo em minha bundinha, sendo maltratada, usada para dar prazer aquele homem gostoso. Felipe parou e senti que a cabeçona de sua tora encostou-se ao meu cuzinho forçando e pedindo entrada, travei na hora, medo sei lá, era muito grande, nisso Felipe me pega pelos cabelos e puxa, dizendo em meu ouvido:rn_ Você não vai deixar por bem sua puta, seu viado, vai ser do meu jeito então, você escolhe vagabunda...rn_ Fiquei com medo de suas palavras, acabei cedendo e me entreguei de vez, arrebitei minha bunda e pedi para ir com calma, abri e mostrei todo meu cuzinho depilado para ele, ele ficou louco quando disse: - vem seu puto, me fode como um macho de verdade vai... Fode com vontade que este final de semana você vai ter que dar muito leitinho para ele e para eu beber, você me provocou... E quer me escravizar sexualmente... Me comeee logo então vaiii...rn_ Felipe enlouqueceu e veio com tudo para cima de mim, a cabeça entrou rasgando, me fazendo gritar, ele não quis nem saber me pegando pela cintura e puxando, entrando cada pedaço daquela carne maravilhosa no meu cuzinho, iniciando um vai e vem louco, a dor inicial, estava sendo transformada no mais e maior prazer que havia sentido na vida, seu pau tocava minha prástata, me rasgava tudo por dentro, mas me realizava, eu sá pedia mais e mais rola, deixava ele maluco, rebolava em sua vara, fazia com que minha bunda fosse jogada para trás entrando saindo tudo me fazendo e fazendo ele gemer como um cão fodendo sua cadela, e era assim que me sentia, uma cadela sendo usada pelo seu cão, fudida com tudo, e ainda mais com uma vara daquelas, que estourou tudo por dentro de mim. Felipe deitou todo seu corpo em minhas costas fazendo com que deitasse de brussos, me abri toda para ele pedindo:rn_ me fode maissss me fode me rasga toda,, seu safado, me fodeeeee,,,,,enche meurabo de leite vaiiiii ele está com fome de vara e porraaaaa...com força não para ... meu macho meu dono.....nossaaaa,,,,,,vaiiiiiii.rnSuas estocadas ficaram violentas, me fodia como um animal... Realmente me senti sendo estuprada, mas estava gostando de tudo...rn_ Felipe enlouquecido com minhas palavras, disse: sua puta, você nasceu para levar vara, sua cachorra, toma, toma, vou te foder toda, arrombar você, vaiii você quer leite na bundinha safada, quer? Vou te encher de leitinho no cu vadia, tu vai ficar todo o dia com minha porra na bundinha, e na boca, toma então vou gozar hummmm,isssssss.....rn_ Senti a vara de meu homem tremer dentro de mim e suas varadas ficar ainda mais fortes, seu corpo entrou em transe, e ele me puxou enterrando até o talo e uma explosão de gala em meu traseiro me encheu por dentro, senti suas golfadas lavarem meu reto, pois, transamos sem camisinha (nunca façam isso), escorreu por minhas pernas um pouco, pois meu cu estava todo aberto, tamanho vigor do pau de Felipe e o estrago em meu rabo... Tentei sair para me lavar, mas meu dono não deixou dizendo que iríamos dormir um pouco assim como estávamos com seu pau dentro de mim e que eu iria passar o dia todo com sua porra no meu traseiro e em minha boca... Assim dormíamos até inicio da noite eu de ladinho encostado em meu macho ainda com sua tora imensa em meu rabo. Depois acordamos, pois o final de semana estava apenas iniciando... (continua)rnE-mail: [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos com leite na bocacontos eróticos eu e minha mãe nos amamos feito loucoscontos eroticos chantagiei meu padrastoconto erotico. virei mulherzinhha do meu primoCasada viajando contoscontos fidi minha cunhadinha de onze anoscontos eróticos consolo pau e plugchorei mas dei o cu contosMeu+irmão+arrombou+meu+cu+a+força+conto+eroticocontos erótico de velhas que adora ser chingadasVovozinha da buceta peidandoconto erotico: va para o vestiario e me espereconto eerotico prque minha irma resolveu me dardividindo a cama conto bia cabeleira contos eroticovideodemorenaclaraContos.eroticos.enfiando.cu.da.maezoofilia negao comenorme pau deixando putia loucaconto fiz a festa com os homens na casa de praia e o marido nem desconfiouamigo pai velho gay contoscontos eroricos de menina virgens que adorou ser estuprada pelo opadrasto e seus amigoscontos eroticos casada que mete com mendigoconto erotico anal deiUm tubinho uma menina virgem pode aplicar com ele dentro do burraquinho da vagina ou nao?transei com meu sobrinhocontos eroticos gratis de virei a putinha da minha sogra lesbicacontos me vinguei com o meu ex namoradocontos de cú por medocontos eroticos dava balas e comia cu do pivetecontos erótico paizão enrabar filho gayxvideos preneditadosobiu no cu delaprovoquei o angolano na praia Contos Eroticoscontos eróticos mostrei o pau pra minha mãefui passear nas férias e trai meu corninhocontos eroticos calcinhas usadas da mulher do amigoeu mae e filha contos de sexoconto flagrei minha irma dando e enrabeicontos eroticos o velho me comeu aforçaconto minha mulher gozou na picona de meu serventeconto picante incesto gay discretamente passivo e ativos incesto gaycontos eroticos ingenua comtos ewroticos comi minha irma na fazenda de calca de lycraarregangou as pernasxvideos 18 cemtimetor caserocontos na festa com meu maridoxvedeo foi brincar com a prima efreguei pau nelaFoderam gente contos tennsporno gey contos eroticos menininhos dando no riocontos tetas irmachupando o patrão contos eróticosconto erótico de menino chupador de paucontos eróticos Fortalezaconto erotico calcinha neguinhocontos eroticosproibidoselma melando a pica de cocorTennis zelenograd contoContos eroticos briguei com o marido dei pra outrocontos eroticos gay.treinadorpegando a cunhadinha casada muito linda e gostosacontos eroticoscontos eróticos de professor GayContos mamae e titia e irma bacanal incestocontos eroticos sogro esogra doenteMeu compadre arrombou minha bucetapassei a calcinha contos eróticosconto erotico colegas na piscinaCasada viajando contoscontos erotico eu minha e o meu amigo baianodei a buceta para o amigo do meu filho contos eroticos gratiscontos eróticos de mãe metendo a língua no ouvido do filho e da filha e gosandona sauna com minha vizinha contosConto o zelador e meninobuceta cabeluda bunda inchadinha Pintadinha da Moniquinhaconto cutuquei pau na bundia delacontos eeoticos co mm i a maconheiraconto erotico real eu meu tinha comemos minha tiacontos eróticos ônibus