Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

CUNHADA PUTINHA

Depois que comi minha cunhadinha na praia, ela sempre entrava no msn e ficava falando sacangem pra mim. que tinha acabado de depilar a bucetinha... que estava em casa sozinha e se masturbando pra mim... que tinha dado pro marido (ela casou ha 6 meses com aquele chato) mas pensando em mim. Ja faz 4 anos que tivemos esse rolo e nunca mais tivemos oportunidades para fazermos algo. Ela dizia q queria eu novamente. Mas como moramos em cidades distantes nao tinhamos como sair juntos. Semana passada tinha q ir a Curitiba atender um cliente e avisei minha esposa que dormiria por la. Ela na hora falou que eu dormisse na casa da irma dela (tati) e ja ligou para ela e acertou tudo. Fui sozinho pra la e quando cheguei fui direto a reuniao com o cliente e qdo sai fui para a casa da cunhadinha. era por volta das 15:00 horas cheguei no predio dela ela me recebeu normalmente, nem parecia aquela putinha que eu conversava direto no msn. (toda vez q nos encontrava-mos ela sempre me tratava como c nada tivesse acontecido e so no msn q agente falava besteiras). PErguntei de seu marido ela falou que ele estava para chegar. Entao ficamos ali tomando um cafezinho e batendo papo. Em seguida disse q iria tirar um cochilo pq estava muito cansado da viagem e fui para o quarto. Encostei a porta coloquei somente o shorts do pijama e apaguei. Certa hora acordo sentido algo delicioso. Era tati chupando meu pau. Acordar com um boquete da cunhada é coisa de outro mundo! qdo ela viu q me acordou veio e me deu um beijo e falou no meu ouvido> "boas noticias, o corninho foi convocado a ir para sao paulo ainda hj para uma reuniao na matriz da empresa. Ele ta tomando banho e daqui a pouco ja vai". Entao ela me beijou me deu mais uma chupadela e saiu do quarto. Olhei no relogio ja era 20:00 da noite. LEvantei coloquei roupa e fui pra sala. O Joao (marido) saiu do banho me cumprimentou e pediu desculpas mas q tinha q ir para sao paulo urgente e ja saiu apressado pois o taxi ja o esperava na portaria. Mal ele entrou no elevador e a tati ja veio pra cima de mim. ela estava de vestidinho e nao usava nada por baixo... veio me beijando tirando o vestido e minha roupa... me empurrou pro sofa e e caiu de boca no meu pau. me chupou muito... parecia q nao via um pau ha seculos! me chupava... eu dava tapinhas em seu rosto.. batia com o pau na cara dela... ela lambia minhas bolas... e assim foi... entao a puxei e falei q queria ela na cama dela. levei pro quarto a deitei e cai de boca naquela bucetinha lisinha cheirosa e muito molhada... chupei ate ela gosar e ela se contorcia. comecei a meter num papai e mamae mesmo e bombava forte ela gemia e me apertava... eu chupava seus seios e falava que adorava comer a cunhadinha... que ia foder ela inteira... entao a coloquei de frango assado e voltei a bombar... dei mais um tapinha na cara dela e disse que ia comer inclusive o cuzinho dela. Ela ficou doida quando falei isso e disse q faria o que eu quisesse. bombei forte e entao gozamos juntos... enchi a bucetinha de porra... entao como sabia que ela gostava e queria deixar ela muito louca pra foder aquele rabinho eu ja cai de boca na bucetinha e chupei ela gozadinha. ela chegava a pular na cama de tesao .... se contorcia e rebolava na minha boca... entao puxava o gozo com o dedo e enfiava no cuzinho... a coloquei de 4... e fui enrabando ela devagar. Enfiei meu pau todinho e comecei o vai vem devagar... ai q delicia comer o cuzinho da cunhada. ela rebolava gostoso.. eu batia na bunda dela e a segurava pelos cabelos... ela enfiava 2 dedos na buceta e se masturbava... entao vi a escova de cabelos dela do lado da cama me estiquei e peguei... e enfiei na bucetinha dela... ai ela foi a loucura... urrava de tesao... e eu fui comendo aquele cuzinho... e ela gozava varias vezes sem parar... entao falei q ia gozar no cuzinho dela tb... e enchi ele de porra! e caimos na cama ainda com meu pau enterrado dentro dela. entao tirei e nos beijamos muito fomos tomar um banho fresco e ficamos nos beijando e acariciando. no banho fui ensaboando todo o corpo dela entao comecei a comer a bucetinha dela novamente com ela de costas pra mim e fui ensaboando o cuzinho... entao tirei meu pau da buceta e meti no cuzinho novamente... meti mais um pouquinho e saimos do chuveiro. fomos para o quarto novamente deitamos e ficamos nos beijando entao falei pra ela que queria ser chupado pois era o unico buraco que ainda nao tinha enchido de porra... ela comecou a me chupar e me masturbar ate q gozei na boca da safada. Ela lambeu tudo engoliu e deixou meu pau limpinho... entoa me deu um beijo e dormimos agarrados. no outro dia eu tinha que ir embora cedinho. entao ela acordou junto comigo e metemos novamente bem gostoso comendo seu cuzinho e bucetinha. tomei banho e ela me acompanhou ate a garagem do predio para eu pegar o carro. chegando la estava tudo escuro e ela falou para mim q ia me chupar pois queria ficar com meu gosto na boca... entao entramos no carro ela me chupou ate gozar novamente e subiu e eu fui embora.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos er¨®ticos incesto ensinei minha filha a ser cadelacontos eroticos de primeira vez gueys com vizinhocontos eróticos putona do tourovendi a buceta/contoconto sou amante da sogra casada minha esposa adorou a minha fantasiao pai da minha amiga é um tesão contos eróticosvideo de porno novinhas virgecontos eroticos o faxineiro comeu minha mulher parte 2porno club conto eroticos de meninos gaysConto erotico zoofilia fiz a ninfeta chupar meu pau junto com meu cachorrocontos eroticos embriaguei meu marido e dei o cuzinho do lado deleContos de foda selvagemcontos eroticos gay fui enrrabado apanhei e gosei com um desconhecidosexo contos eroticos o amigo do meu marido me viu com um shortinho atolado no rego e nso resistiufui corer com a minha madrasta e fidi elacontos porno.chorou de dorContos erotico sofrimento de inocentesContos De maridos q empresto a esposacontos de casadas o negro desconhecido me arromboucontos eroticos incesto fazendo minha filha gozar no meu paucontos erótico menininha elevadoconto de incesto de pastor estrupadome encoxaram a noite bunduda,contos eroticos minha esposa nao.resistiu e meu patrao passou a rolaputinhos seduzidos contosNovinha enlouqueçeu os pedreirosComto pego em fraganteconto jovens de pau duro no calcao de futebol jogando video gamecasa dos contos minha mae e um travesticonto, fodida pelo vovô e primos nas fériascontos de pagando com ocúContos eroticos chamo vitoria dei pro meu cumhadoler relato de suruba na casa da comadriconto erótico terminando a reforma com esposacontos eróticos sarro no ombroconto de fudendo cu da menina mendigacontos eróticos a puta mal conseguia caminhar no saltocontos tia de 57 anosMeus ex primo viuvo rico sou sua mulher conto eroticodandoprocaipiracaralho do sobrinho novinho contosConto picante e real o genocogista da minha mae gay passivofrancisca coroa ruiva contos eroticosamiguinhocontosconto erotico fiquei arrombadocontos de putas se chupando ate o orgasmoconto de arrombando o cu do empregadoContos eroticos tia dando sobrinhocontos eróticos enormes nadegasMeu ginecologista me fez gosaz contoeroticoConto erotico Zoofiliatirei a virgindade das priminhas inocenti contos eroticosconto erotico arrombei o travesti do baile funkcontos muito grosso e grande sofrinao resisti a buceta da minha maeprometeu dar o cuzinho virgem contos eroticoscontos eroticos dei p meu clientecontoseroticos comendo sebo e bebendomijo de picacontos de cú de coroa casadaconto erotico com tio amigo velho coroa grisalho peludoCONTOS EROTICOS DE INCESTO MAE PUTAsou puta do meu cachorrocontos eroticos swingconto erotico arrombei o travesti do baile funkcomia mae contosconto brincando de cachorrinhocontos eroticos troquei minha mulher pela cunhadinha lindamulher melancia de cinta liga e espartilhocontos eróticospapai e filhinhacontos eróticos enrabando a namorada do meu sobrinho que tava babadaFui a depilação ela me lambeu conto