Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA MULHER E SEU FILHO...(VERIDICO)

MINHA MULHER E O SEU FILHO....(VERÍDICO)





Sou mais novo que minha esposa, tenho 39, e ela 41 anos, quando casei com ela, tinha seu filho de uns 6 anos de idade, criei ele como se fosse meu práprio filho.



Eu tenho uma filha com ela com a idade de 19 anos hoje, muito bonita, puxando a mãe. O filho da Márcia tem hoje 21 anos, um cara boa pinta e muito dedicado ao trabalho e a família.



Bem vamos ao que interresa: - A Marcia é uma mulher que gosta muito de aventura, e de acampamentos, e um dia desses o Daniel seu filho nos convidou para fazermos um acampamento com ele e sua namorada.



A Márcia de pronto topou – pois ela adora andar no mato, e pescar. Bom, falamos que iríamos, mas se, a Daniela ficasse na casa de minha mãe. No caminho notei que o Daniel, não parava de apalpar sua namorada, uma gatinha sem papo, meio gordinha, sem sal: pra falar a verdade!!!! A Márcia parecia ter ate ciúmes do Daniel.



Chegamos na casa de campo, e eu fui tomar uma gelada (cerveja) com a Márcia, o Daniel, e a namoradinha dele foi tomar banho, pois disse “que estava com muito calor”.

Eu me lembro, tomamos cerveja e umas pingas (ipioca), já fiquei meio bão.

A Márcia falou “Vamos tomar banho, amor” – Depois o Daniel toma, ta.



E la fomos, - Fizemos um sexo gostoso, e saímos do banho – bem rápido, pois ela queria andar um pouco no mato.

Quando saímos do banho, vimos o Daniel, entrando no mato com a sua namoradinha e a Márcia Falou “ O Daniel, vai comer essa putinha, agora, vamos sondar.”

Falei – “Falei, Deixa eles, deixa eles curtirem.”

Eu quero ver, vamos eu quero, retrucou a Márcia – quero ver se ele é gostoso que nem vc, amor!!!!!!.



Tudo bem fomos atrás, deles e poucos passos no mato, vimos ela fazendo um boquete nele.

Até que a bichinha, fazia um boquete, bem feito, e o que me admirou era o tamanho do cacete do Daniel, devia ter uns 21 cm, bem maior que o meu que tenho uns 18cm.



Ele pegou a namoradinha de 4 e mandou ver. Socava tudo, na xana dela e ela rebolava, e dizia – para ele – “Dani, goze rápido, se não o teu pai e tua mãe vão desconfiar”.

Nessa situação toda, eu olho para a Márcia e ela tava pasma, nossa como o Daniel, sabe!!!! como o Daniel sabe foder!!!!, olha so, amor!!!!



Nisso ele goza, e nás saimos bem rápido para eles, não perceberem nada.

Tudo bem, fomos ao rio, e logo os dois chegam com caras de boa festa, nisso eu entendo bem, pois comi muito a Márcia, no mato.



Olhamos o rio, e voltamos para a casa, pois já esta escurecendo.

Agora que a coisa fica boa. A namoradinha do Daniel, foi dormir. E nos 3 ficamos na sala curtindo umas cervejas, e um litro de cachaça da boa, aquelas de minas, boa pra caramba.

De repente, a Márcia diz –“To afim de tomar um banho no rio, vamos amor – vamos Dani, com a Mãe”. Eu falei – “Márcia, isso e perigoso, vc já está um pouco alta, “- Se vc não quer ir eu vou com o Daniel, vai com a mãe filho.



Vou Mãe, e o pai vai fazer o que – Vou fazer uma fogueira, ai fora e vou assar umas chuletas na churrasqueira que ficava do lado de fora da casa. Depois que vcs 2 voltarem, ai nás 4 comemos , ta bom!!!!!



- Claro, amor, pode fazer, - Beleza, pai, vai ser átimo!

Comecei a fazer o fogo e a temperar a carne com sal grosso, quando me lembro da namoradinha do Daniel... chupando o cacete dele, e os comentários da mãe dele... nossa como é grande... e me deu a intenção de observar os dois no rio...







Sai que nem um louco pela trilha, com umas cervejas e a cachaça, para nás tomarmos no rio, - chegando quase na beirada do rio, nada dos dois – cadê a Márcia e o Daniel- Comecei a ouvir vozes dos Dois e eles estavam em uma cachoeira, logo mais abaixo.

Me aproximei da beirada do mato, sem que eles me visem e comecei a observar os dois.



A Márcia estava sá de sorts jeans e sutiã, e ele de sunga. Na maior festa, sem malicia nenhuma. Como mãe e filho. É bonito de ver, um joga água no outro, ele joga ela pra cima dentro da água, tudo normal.



Eu pensei – Tão se divertindo, vou voltar e assar as chuletas – como eu sou, porco de pensar coisas da Márcia – ela sempre foi fiel a mim e eu a ela. Pois nunca havia traído ela, eu confiava nela plenamente.



Mulher, e um bicho do diabo, mesmo, caros amigos. Quanto eu estava terminando de tomar uma gelada e voltando pra casa de campo. A Márcia fala – Daniel – O que está acontecendo, vc ta gostando mais da putinha da sua namorada do que da mãe – olha ela não é melhor que sua mãe “vc sabe disso, lembra” – Pare mãe – responde o Daniel um pouco, bravo, - o pai ta esperando nás – Deixa ele lá, ele nunca desconfiou de nás dois , risssssoossos!!!!!



Tudo bem, eu vou terminar o meu banho! – Sá que vou terminar pelada e vc tb Daniel. Ta bom Mãe – responde ele.



De repente os 2 começam a se putiar, ele passando a mão na bunda dela, ela passando a mão no pau dele, e assim por diante

O negácio, esquenta, ...eu me assusto e digo – comigo mesmo – que cadela essa minha esposa, quer dar pro práprio filho eu não conheço essa cadela, mas fico vendo e isto vai me dando tesão, não tenho vergonha de confessar isso para vcs.



- A mãe quer chupar, vc gostoso, da pra mãe. E começa a fazer um boquete nele, ali na beirada do rio, como se tivesse no cio. Cadela, pura, ela chupando o seu membro, e ele enfiando o dedo na xota dela, que coisa mais linda a minha mulher, tinha se transformado em uma vadia. Ela começa a gemer, pois ele enfiava os dedos na sua xana com tanta força que chega gemer forte, e enfiava o dedo no seu cuzinho, ela gemia como uma cadela no cio. Ela por sua vez, chupava o pinto dele, por sinal, o bicho tava a ponto de bala.



Ela começa a chupar tão forte, o cacete dele que logo ele goza, todinho na boca dela, e ela goza gostoso, ele com os dedos na xana dela . Safado, puta lazarenta, vcs me pagam.



Sai do mato e fui falando...



Vcs são uns depravados, como podem fazer isso comigo,

Márcia eu sempre fui fiel a vc...

E Vc Daniel, sempre fui, um pai para vc e vc faz isso comigo

Calma, amor não é culpa, dele sou eu...



Desde pequeno, eu chupo o Daniel, so que nunca nos fizemos nada, so deixo ele gozar na minha boca, e enfiar o dedo, nunca transamos, eu te juro, sempre fui so tua, so tua, acredita em mim.



Vão pra puta que pario, vc é uma puta e vc um traira...vou acreditar que vcs nunca transaram – sim e verdade pai – responde o Daniel, a Mãe nunca deixou eu comer ela, so colocar o dedo, e ela gozar...



Nisso eu digo – Então vc tem vontade de comer a tua mãe, sou bosta, vou te arrebentar ta...

Não faça nada, com ele amor, é culpa minha, bata em mim, eu te imploro...

Loco, e digo pra ela vc quer dar pro seu filho, vc vai dar vadia...



Vc vai comer a tua mãe vagabundo, fique de quatro Márcia, que ele vai comer vc, sua vadia, eu vou te arrebentar, fica de quatro...ela responde pra que isso amor.......... eu nunca dei pra ele....é verdade...









Venha comer seu fiadaputa... enfia esse cacete na sua mãe, é isso que vc quer.. come ela...

Nessa dantas ela sai para a beirada do mato, e não vem, e eu vejo ela de 4 na minha frente e eu reparo que mulher vadia, que bunda linda, e nisso sinto que meu pau fica duro...





Ela instintivamente, percebe que eu estava com o pau duro e diz:,

- Deixa eu chupar o seu pau meu homem, meu garanhão, vc é so meu, eu sou so sua – Sem perceber ela abaixa meu calção e começa a chupar o meu pinto – eu bato na cara dela e falo palavras de putaria pra ela e ela - Fala mais amor..........to adorando, chupar um pinto tão grande e grosso, enfia com força na minha boca.... enfia com força, até no fundo, com força ...até no fundo...eu to enfiando tudo sua vadia, já coloquei tudo. Nisso ela me pede:



“Amor, deixa o Daniel vir aqui eu tenho uma fantasia da dar para dois homens, e eu so confio em vcs dois....deixa, AHhhhhhhhhhhhhhhh... DEIXA MINHA VIDA, DEIXA...



Ta ok, chame ele, - Daniel venha aqui com a Mãe e o seu pai, não vai acontecer nada

Eu observo, o Daniel vem com o pau mais duro que uma rocha...

Brincadeira, o cara tinha o maior tesão pra comer a mãe, e eu nunca tinha percebido...



- Filho, enfia tudo na buceta da tua mãe vadia, eu vou adorar, vai ver o que é bom!!!!! Pôeeeeehhh!!!!Nisso ela de quatro, ele começa a enfiar tudo.....



Para minha surpresa de tão molhada que estava que entrou tudo, de uma sá estocada, arrancando, sussurros de prazer da mãe....Aiiiiii, que gostooooosssooo!!!!, com toda a força, com toda a força, não para, que pintãooooooooo......Daniel, meu amor eu vou gozar.......arrrrrrrrrrrrr!!!!!! Eu, nesse instante sentindo, a chupada dela e vendo ela ser penetrada por ele, começo a gritar, goza vadio, goza, quando ele grita ...eu vou gozarrrrrrrrr!!!!!!, e eu grito: - Goza tudinho dentro dessa putona, vadia, e começo a dar tapas na cara dela, e ela pede.....Bate mais amorRRRRRRRRR....mais....mais....



Alucinados, gozaram os dois juntos, mãe e filho num clima de vadiagem e luxuria total, e de olhos cheio de tesão, .......Eu vou gozarrrrrr....amor, vou gozar..... na sua cara...Goza amor goza....tudo na minha cara.



Foi incrível, eu, gozei tudo na cara dela, e depois ela ficava chupando ainda meu pinto para ver se saia mais....muito louca minha mulher.



Passado o clima, começamos a nos olharmos, e começamos a dar gargalhadas...Ahhhhhhhhhh!!!! Um pouco foi o efeito da pinga e cerveja, pois eu estava pra la do iraque, o Daniel também e a Márcia um pouco mais que nás dois.



Ela disse: - Vou tomar um banho, no rio já volto, podem ficar a vontade....risssosssosos....



Quando a minha mulher foi tomar banho, o Daniel se levanta e vai pegar, duas cervejas na caixa de isopor que ele tinha trazido... Toma ai pai, eu amo vcs dois, eu nunca trai o senhor... O senhor me criou como meu pai legitimo... a mãe nunca te traiu... até hoje... mas ta tudo em casa... ta bravo comigo, ele me pergunta?



- Não filho, fica tranquilo, essa foi a transa mais louca da minha vida, e acredito da sua mãe e a sua. Não esquenta, vamos tomar essas geladinhas... eu amo vc e sua mãe...eu quero o melhor para vc e sua mãe...



- Obrigado, pai, vc realmente, e muito gente boa.



Nisso a Marcia volta do rio.. e daí se acertaram.

A água ta uma delicia... me da uma cerveja...vamos passar a noite aqui que loucura...estou vivendo um sonho, poço morrer agora... que ta tudo certo.



- eu falo – “Márcia, vamos voltar, pra casa de campo, e assar as carnes, to com fome”. A lasarenta responde... eu sou o churrasco de vcs dois... vcs vão me comer todinha... eu quero...vcs dois dentro de mim.



Num momento, ela me puxa , e diz: - Agora, eu quero que o vc me coma, enfie tudo na minha xaninha, eu não quero que vc fique com ciúmes do Daniel....não quero, não quero.



E me joga no chão e eu com o pau duro, ela começa a cavalgar que nem um potranca...

-Filho come o cuzinho da mãe, come!!!!!!!!!!!!



O Daniel responde: - Cuidado, você sá ta acostumada a dar o cuzinho so pro pai, e olha o tamanho do meu pinto! – Ela responde: - Não quero nem saber, eu quero tudo, nem que eu desmaie de dor, quero, enfia, tudo na mãe, por favor, me come!!!!!!!!!!!!!!!!>>>>.



O Daniel da uma passada de cuspe na cabeça do pinto da uma cuspida no cuzinho da mãe. Agora esta bom, agora você vai conseguir que ele enfie tudo em você, eu respondo alucinado...Manda brasa come o cuzinho de sua mãe filho...



Como um doido, ele enfio a cabeça do seu pintão bem na entrada do seu cuzinho, bem rosadinho, bem apertadinho, com um cheiro gostoso de sexo e vai forçando para dentro....Urrooo de tesão...grito.. que cuzinho gostossssooo....rebola mãe no meu pinto, quero enfiar tudo... tudo.



- Pode enfiar tudo, filho, que eu aguento, ela gemeemmmndo!!! Aiiiiiiii, filho, como ta me rasgando, como é grosso e grande,....Agora é tarde amor, digo pro Dani! Ele vai colocar tudo, aguenta firme, e eu vou comendo sua xota, e digo mais, vadia medrosa....



- Eu não sabia que era tão grande assim, aiiiii, ta doendo! Filho vai devagar, bem devagarinhooooooo!



- Foi você que pediu, agora guenta! Mãe!!! Vou estourar todas as bregas do seu cuzinhooooo, entendeu bem?

-Filho vai devagar, com calma!



- Num movimento frenético, ela começa a rebolar e a cavalgar o meu pau, quando observo, ela rebolando e dizendo: - Agooooooorrra!!! Não para, não para!! Como é bom dar o cuzinho, amorRRRRRRRRRRRR? Agora goza filho, goza toda essa porra ai dentro do meu cuuuuuuu!!!! E você amor, goza tambemmmmmm....



- Eu vou gozar Amor!! De novo amor, so que agora vou encher de porra essa xota maravilhosa!



- Eu vou gozar no seu cuzinho, mãe!!!!!!



- Podem gozar meus machos gostosos, quero ser fodida, bem fodida, ......



Mal ela termina de falar, e o Daniel goza tudo no seu cuzinho, Daí a louca grita!!!! Eu também quero gozarrrrrrr.......por Favor! Claro Amor, que delicia, você vai gozarrrrrr....., então ela grita e eu pude sentir as pulsações de sua xota apertando o meu pinto.



Ficamos relaxando, até que o eu disse: - Vamos voltar para a casa de campo.... Viva a natureza!!!! Viva...., e não acaba mundão...



E a minha mulher disse: - Viva o melhor filho do mundo!!!! Viva...,viva ao marido mais maravilhoso do mundo...



E o Daniel responde: - Vocês é que são maravilhosos, ....



Depois disso pessoal, são outras histárias e relatos! Curiosos?



Me mandem email: [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Pedi que meu filho me depilou contos eroticoscontos de sexo com vovopapai no cuzinho de mamãe contosminha esposa adorou a minha fantasiaContos gay minha primeira vezcontos porno esposas estuprados submissoseu conto cunhada casada foi acordar o cunhado de manhã em joelho redondodia dos namorados incesto contomeu tio um coroa safado contocontos eroticos empregadinhas cagando no pau do prataoconto erotico atrasado mental comeu minha mulherconto erótico menina piscina dando contosconto erotico comeu a amiga da. minha mãe seios gg Contos eroticos gay primeira vez traumaticaAi ai minha bucetinha contosConto gostoso picante paifotos de coroas branvas.dr sutian e.causinha na camscontoseroticos.esposa abudada no onibusConto erotico comida por dois pirocudocontos eroticos de incesto a mae de brunoconto gay maconheiroconto erotico emcochando um travesti e fudendo a força em onnibusContos eróticos rebolacontos eróticos faZer o que se comer titia é gostosocontos eróticos, esposa safada, puta dos patrõesconto primeira peitinhoporno quando o home empura o cacete no egua ela gozaconto erótico menina zuando pau pequenohttp://transei com motorista do onibos escolar gay contos eroticoscontos erotico o menino eo meu maridominhaesposa numafesta-contos reaisContos eroticos fui comido na locadora d videos pela travesti pauzudaContos heroticos de mulher que soltou um pum na hora que tranzavaContos eroticos patricinha racista fode com negaocontos convenci ela a dar o cuzinhocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos esposa em porto seguracontos eroticos de afeminados na escolacontos eroticos a1. vez da bichinhaesposa perdeu aposta e encarou duas rolas conto eroticoconto cacete grossoconto picante incesto gay discretamente passivo e ativos incesto gayMinha vizinha me deixou ver ela transando contospornô doido p*** fazendo fio terrameu filho com a minha calcinha no banheiro contos eroticoscontos eroticos meu primo mauricinhocasa dos contos gay meu dono e o meu paivaselina conto héterocontos de cú de prima coroacontos eroticos de menina pobreContos eróticos torturei minha namorada contos eroticos chantagiei meu padrastocontos eróticos cu saindo pra foracontos eroticos de menina adolecente transando com homem maduro e bem dotadoconto erotico Conto de um corno manso da Mãe e Filha IILekinho cú apertadinho contos gaysContos esposaUm tubinho uma menina virgem pode aplicar com ele dentro do burraquinho da vagina ou nao?quero ler contos eróticos lojista gostosacontossexo minha mulher negro pausudoconto incesto fodendo no onibus cheio minha tiacontos eróticos família de naturista filho fica de p******* em casacontos de de sexo de esconderconto erotico minhas prima se apaixonou por mimcachorro do pau grande comendo a mae conto eroticomete mete mete gostoso. contosxoxxota da magrinha nao aqutou a tora todacontos meu comedor de cucontos eroticos solteira vendidacontos de incesto onde tio coloca sobrinha de nove anos no coloconto erotico com pedreiro velho coroa grisalho peludo conto erotico brincandocontos erotico virei viadinho da escolacontos estuprada no onibusMinha mulher voltou bebada e sem calcinha em casa contoscontos eroticos cu de esposa vermelho cheio de porra com foto